2010 em um disco e uma música, por Lívio Paes Vilela

Disco: Do Amor – Do Amor
O que me irrita em muita gente por aí é essa mania de tomarem o Do Amor como uma banda tipo projeto-paralelo-engraçadinho-de-comentário-cultural, meio Bonde do Rolê dos ritmos nortistas, coisa que eles estão longe de ser. De todos os discos de banda lançados esse ano – e, tirando a Tulipa e Jeneci, os melhores discos brasileiros desse ano são discos de banda – esse é de longe o melhor. Só prestar atenção já na primeira música, “Vem Me Dar”, especialmente naquele solo no finalzinho, para entender o que eu estou falando.

Música: Odessa, Caribou.
Eu fiquei tão chocado quando eu ouvi “Odessa” pela primeira vez que eu parei e fiquei ouvindo só a música por quase uma hora. Eu já era fã dos discos anteriores do Dan Snaith e sabia que ele podia transitar por estilos completamente diferente de um álbum pro outro, mas essa passagem do pop sessentista do álbum anterior para esse synth-pop meio dark, meio prog (sem perder a sensação que a faixa poderia ter sido gravada num home-studio), bizarramente dançante foi uma das melhores coisa dessa ano.

.

Lívio Paes Vilela (@liviopv) é fundador e editor-chefe do Bloody Pop.

  • Leonardo

    desculpa, mas é impossível levar a sério uma banda que se chama ‘do amor’. existem nomes ruins (como ‘paralamas do sucesso’ e ‘kid abelha’) e existe esse. pior só os straight-edges do XamorX. ninguém merece…

  • Hahahah, o comentário do Leonardo foi engraçado, mas o texto tá bem escrito.

    Vou procurar o disco.

    Abraços.

  • tá foda de achar uma banda com o nome “do amor”

    olha os resultados da busca:

    “Grupo Nuwance – o poder do amor.mp3
    bruna Karla – Melodia do Amor (gospel).mp3
    01.Roupa Nova – A força do amor.mp3
    Os Paralamadas do Sucesso – Cuide bem do seu amor.mp3
    Jota quest – Carta de amor 2010 promocional de outubro.mp3.rar
    Israel Lucero – Diamante de amor S2.mp3.rar”

  • Ninfas-do-amor.rar

    hehehe

  • “Você quis dizer OUTROS SENTIMENTOS LINDOS”

    Não existe. Abraços.

  • Danilo

    Eu tenho esse disco e asseguro que é realmente impressionante, mas esse nome é terrível gente. É esteticamente ruim (olha a aplicação na capa! “Ué, só tem o nome do disco?”), a pronúncia é ruim e tira a credibilidade da banda. Bola fora!