As cenas Brum n’ Bass e Swiss Jerks são as novidades do Swatch MTV Playground

O pessoal do Swatch MTV Playground anda explorando mundo afora o que há de mais inovador e tendência em potencial na junção entre moda e música. O senso coolhunter do projeto, como você já deve ter visto por aqui, tem se mostrado bem aguçado – e, sem deixar o nível, o assunto agora é o Scene@, que, como o próprio nome diz, destaca cenas crescentes em alguns pontos do planeta.

E uma das primeiras scenes pesquisadas pela equipe do Swatch MTV Playground foi a Brum n’ Bass, que atua fortemente em Birmingham, uma das maiores cidades do Reino Unido. A cidade é repleta de DJs, ravers e grandes dissipadores deste cenário que envolve doses cavalares de dubstep, dance, grime e influências de techno e house music. E no vídeo acima, representantes do Brum n’ Bass, como Fu Man Chu, descrevem sua própria visão de como anda a música e a streetwear alternativa no Reino Unido. Outra ótima fonte de informações, para você que se interessou sobre a cena, é o blog do Scene@.

Atravessando o Atlântico e boa parte dos estados norteamericanos, o SMP chega até a Califórnia para explorar as danças malucas, os figurinos, a música e os passos rápidos da cena Swiss Jerks – cuja dança, Jerkin’, se disseminou com velocidade a partir de 2009, em Los Angeles. Assim como o Brum n’ Bass, o Swiss Jerks também é tipo uma comunidade, com turmas de dança e grupos de amigos que se reunem para curtir misturas de break, hip hop e descobrir novas formas de se expressar. Como você pode ver no vídeo abaixo, as roupas coloridas e misturadas de forma inusitada também são essenciais para a cena.

Agora, uma pergunta: você se identifica com alguma dessas cenas? Ou tem sua própria galera e influências diferenciadas de moda e música? Se quiser falar um pouquinho pra gente sobre cenas ou movimentos dos quais você faz parte, fique à vontade. A caixinha de comentários ali embaixo está à sua disposição – e o seu relato, quem sabe, pode até parar no blog do projeto da MTV, que não para nunca de caçar o que há de mais interessante em cultura urbana. Não importa o lugar.

  • Velha

    …e pensar que já fui uma jovem ridícula com jeans cheio de alfinetes…

  • o “Jerkin” ou “Jerk”, nao sei como conhecem, é uma das tendencias mais fortes no mundo todo e se espalha cada dia mais. No Brasil há mais de 25 crews (grupos) entre as iniciantes as mais velhas que começaram criticados e preconceituados pois pelo estilo na epoca até entao nao tinha chegado como febre no Brasil e aqueles que curtiam o estilo de Dança e musica era criticado pelo estilo de dança ser um pouco diferente do estilo normal que voces conhecem no Brasil, hoje o um tag rolando na Youtube descrito como #JERKINBRAZIL ou #JERKINBRASIL o qual as crews e dançarinos do brasil se indentificao mostrando que o Brasil já está dentro do ultimo lançamento de dança de rua do mundo. Nós nao somos tao atrazados assim. mais informaçoes sobre as Crews brasileiras e tudo sobre o crescimento da dança, procurem no site JusJerk.com ,lá tambem tem algumas representaçoes de Crews brasileiras como a FlashNerd’z, a FlashBros e etc..