Clipe: Deidre – Don’t Blame Me

Amy Whinehouse catapultou a cadência de uma nova geração feminina dentro das claves. As cantoras com sonoridade mais retrô possível. Essa nova vida para as tonalidades do pop, embebidas em cores dos tempos das The Marvelettes e das experimentações mais palatáveis no início da carreira do produtor Phil Spector, são atualmente um filão musical que ainda não atingiu sua regurgitação derradeira. Mesmo com a ideia de produção em massa, Lana Del Rey está na pista para mostrar que o gênero ainda tem fôlego. Como flores nascem por entre os dias, mais uma dessas cantoras disponibiliza seu trabalho. Deidre (Deidre Muro), lançara a canção Don’t Blame Me através da revista Spinner no mês de agosto. Essa semana nasce oficialmente o videoclipe. Palmas, cristais em lustres e a maresia de uma praia cinza que coloca os pensamentos em uma equação guiada pela mais vintage jukebox.

A canção tem o bater dos pés em sua genética e pode apenas parecer mais uma dentro desse mar incontido de máquina do tempo deloriana. Uma canção inocente sem pretensões revolucionárias. Um pop acéfalo para os mais anarquistas e um chiclete auditivo aos abertos à diversão sem compromisso. O clipe conta com a participação de David Perlick-Molinari (cônjuge de Deidre) e  Dax Martinez-Vargas, da dupla de diretores Snipers Twins, que assinam o vídeo. Se você gostou das nuances quase clássicas, pode procurar também o outro projeto da cantora, a banda Savoir Adore.

  • JoPin – D.F.

    passo… NEXT!