Continua a história de Pete Doherty e Carl Barât: The Libertines está de volta

Eu e você já ouvimos muitas lorotas sobre a possível volta do Libertines, mas isso parece estar pra acabar. Depois de Pete Doherty começar a dedicar 50% do seu tempo à carreira solo (os outros 50% são – e sempre foram – utilizados pra consumo de drogas e ficar na cadeia) e Carl Barât se jogar nas gravações de seu primeiro disco (que deve ser lançado em 2010), a dupla pretende voltar a trabalhar junta em breve. Segundo o The Guardian, Pete e Carl se juntariam a Gary Powell e John Hassall, demais membros do Libertines, para tocar no Reading and Leeds Festival em agosto. A produção do evento teria oferecido um milhão e meio de libras esterlinas por dois shows, algo em torno de 4 milhões de reais.

O Libertines se separou em 2004, o que resultou na criação do Babyshambles (por Doherty) e do Dirty Pretty Things (por Barât). É esperado que a banda aproveite os ensaios de reunião para compor (e gravar, quem sabe) material inédito.

UPDATE: A NME fez a primeira entrevista com a o Libertines reformulado. Sem querer ser piegas, mas já sendo, é bem bonito ver os quatro juntos de novo. Confere aqui.

[via]

4 Comentários para "Continua a história de Pete Doherty e Carl Barât: The Libertines está de volta"

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *