Especial Move That Jukebox @ Planeta Terra Festival 2012 – Kings of Leon

Há pouquíssimos dias de mais uma edição do Planeta Terra Festival, a contagem regressiva já está rodando – e nosso especial, também. Depois de falar sobre Kasabian, The Drums, Mallu Magalhães e Gossip, chegou a ver do headliner Kings of Leon passar pelo crivo do nosso aquecimento.

Quem são:

Sabe aquele velho esquema de família em que alguns irmãos se juntam, chamam outros parentes e já era? Este é o Kings of Leon. Todos integrantes da banda contam com o mesmo sobrenome: Followill. A banda nasceu em Nashvile,Tennessee, com a união de três irmãos—Caleb, Nathan e Jared—com um primo, Matthew.

O debute dos rapazes foi em 2003 com o álbum Youth and Young Manhood. O disco acabou fazendo mais sucesso fora dos Estados Unidos do que dentro do país. Os números comprovam bem isso: foram 117 mil cópias vendidas nos EUA e 500 mil cópias no Reino Unido. Depois de mais alguns álbuns—Aha Shake Heartbreak e Because of the Times—, a banda chegaria ao mainstream e faria grande sucesso com o quarto trabalho: Only by the Night, que vendeu 1,9 milhão de cópias nos Estados Unidos. O último LP álbum lançado pelos rapazes é o Come Around Sundown, de 2010.

Horário e local do show

22h @ Sonora Main Stage

Por que ver?

Apesar de o último trabalho não ser a melhor coisa do mundo, a história do quarteto conta a favor. O rock sulista apresentado por eles nos primeiros álbuns tem de tudo para funcionar bem, mesmo depois de alguns anos. Tanto que alguns ecos da sonoridade dos primeiros discos podem ser ouvidos em um dos sucessos indies recentes, o Alabama Shakes.

Já para aqueles que preferem os trabalhos mais recentes, o King of Leon tem uma pegada pop bem forte. Faixas como “Use Somebody” vão fazer boa parte das meninas—e de alguns meninos também—gritarem bastante junto com os Followill.

Por que não ver?

A banda não é conhecida por fazer um show acolhedor. O comportamento tedioso dos músicos no palco pode refletir na plateia, que acaba por ter algum salto de felicidade em apenas uma ou duas músicas. Outro ponto que conta contra é a passagem recente deles pelo Brasil, no SWU de 2010—que foi marcado tanto pela frieza da banda no palco, quanto pela apatia do público. De lá para cá, os americanos não lançaram nenhum álbum novo, nem nada relevante que valesse uma segunda experiência em pouco tempo.

Ou seja, se no fim do festival, você estiver mais a fim de dançar do que se arriscar no palco principal, corra para o Indie Stage e se jogue na pista com o Gossip, que não deve decepcionar. O show da banda de Beth Ditto começa às 22h15.

Momento “Toca as antigas, Followill”

Apesar da apatia dos membros, que pode deixar qualquer coisa chata, o Kings of Leon já passou por bons tempos. As músicas mais antigas, se bem apreciadas, podem apresentar uma banda que valorizava mais um rock tradicional e que foi capaz de fazer algumas faixas carregadas de um espírito roqueiro meio sumido hoje em dia. Isso pode ser trazido no show por músicas como “King of Rodeo” ou outras que têm poucas chances de entrar no setlist, como “Joe’s Head”.

Playlist de aquecimento:

Kings of Leon @ Planeta Terra 2012 by Neto Rodrigues on Grooveshark

  • Sheila

    Na boa? Estive no SWU e não senti o público apático, muito pelo contrário. Quase fui esmagada, rs