Jessie J é a maior aposta musical da BBC para 2011

Você pode não gostar da atração, só não dá pra ignorar a escolha. Uma recém-publicada lista da BBC que aponta as quinze maiores promessas musicais para 2011 destacou o The Vaccines,  o Warpaint e o The Naked and Famous, de quem já falamos neste blog. Mas é a cantora britância Jessie J quem ocupa a primeira posição. A decisão não surpreende se levarmos em conta a afinidade histórica do veículo para com as popstars femininas – Ellie Gouding foi a aposta de 2010 e Little Boots a de 2009. A número 1 deste ano só parece mais indelicada.

O som de Jessie J flerta na mesma intensidade com o pop e o R&B, sustentado por uma base eletrônica não muito criativa. “Do it Like a Dude”, o hit que está vendendo a garota para o mundo (segundo lugar no iTunes,  quinto no Midweek Chart), era pra ter sido entregue a Rihanna, mas Justin Timberlake, com quem ela já trabalhou, deu o toque de ouro e recomendou que ela mesma gravasse.  A música soa muito mais interessante nesta apresentação exclusiva para a BBC, com uma performance vocal invejável e músicos de responsa dando conta do recado. E tem também o clipe oficial que, apesar das referências manjadas (lesbianismo sujo, movimentos corporais animalescos, blábláblá), é uma produção incontestavelmente forte e preparada para o topo das paradas.

O lance é que 2011 deve ser um ano mais justo com os compositores que sempre estiveram nos bastidores da música pop mundial. Se Bruno Mars – que co-produziu “Fuck You”, do Cee Lo – começa a estourar agora, o terreno de sucesso para Jessie J parece fértil. Ela já escreveu pra Miley Cyrus, Justin Timberlake, Christina Aguilera, Chris Brown e grava o seu próximo single com o B.o.Brapper queridinho do Rivers Cuomo. No alto de seus 22 anos, recém-recuperada de um derrame e sem poder beber e fumar, Jessie J está tentando inovar. Contudo, se essa releitura levemente mais agressiva do que já estourou no ano passado carrega potencial suficiente para virar o grande hit de 2011, aí já é outra história.

  • E uma das outras apostas da BBC para esse ano tá com o álbum para ouvir via streaming no site do Guardian. Recomendo muitissímo, um dos grandes sons do ano pelo visto: http://migre.me/3y0Np

  • Renata

    Parece uma Katy Perry com mais efeitos na voz, mas preciso ouvir mais coisa para decidir se gosto ou não.