Júlia Says – Menos é Mais EP

O nome feminino engana: Julia Says é um projeto comandado por uma dupla de homens barbados e bem formados, os pernambucanos Anthony Diego e Pauliño, que deram conta de fazer um dos melhores lançamentos nacionais do ano – e falo isso antes mesmo do primeiro semestre acabar. Está em dúvida se o momento é para electro-rock, violão ou sotaque nordestino? Então é só botar o EP Menos é Mais para tocar e ficar despreocupado.

A arte de Menos é Mais sugere que você está para ouvir o trabalho de mais um duo de voz e violão sem muita inovação, mas as aparências enganam pela segunda vez. ‘Hey, Man!’ abre o disco e te faz dar um pulo da cadeira, tamanha é a surpresa que vem de carona na essência inédita da dupla. Os sintetizadores com guitarras pesadas formam uma boa bagagem eletrônica e, de repente, uma espécie de electro-hip-rock te faz esquecer do violão que Pauliño carrega na capa do EP.

menos-e-mais

As guitarras continuam muito expressivas em ‘Salto Alto’, faixa levada na base das rimas, percussão e, ao mesmo tempo, muita “música de computador”. ‘Cá’, apontada no Last.fm como a mais ouvida do Júlia Says na última semana, relaxa o ouvinte remetendo-o ao Death Cab For Cutie em algum momento. Sem hesitar em cambalear por diversos gêneros, Júlia cita Gorillaz, Nação Zumbi, Rage Against The Machine e até Amy Winehouse como influência no MySpace, mas a maior fonte de inspiração do grupo-de-dois parece ser um livro de Pedro Veludo, que narra a história de uma menina que queria escrever uma história evitando clichês e frases prontas: Júlia, personificação una de Pauliño e Anthony.

Na música que dá nome ao disco, voltamos a ouvir o quê de RATM existente no projeto, associado à vibração de (quase) qualquer banda de electro que vier à sua cabeça. ‘Conceitual’, uma música certeira para a pista, segue no mesmo rítmo,  mas tem seus altíssimos níveis de adrenalina sanados por ‘Intro Mental’, última faixa do disco que resgata o pandeiro coadjuvante em todo o resto da obra.

Menos é Mais é altamente instintivo, instigante, incomum e, escapando dos “ins”, extremamente versátil, perfeito para o dia de chuva que apareceu hoje em São Paulo ou para a tarde ensolarada que faz na serra carioca.

3 Comentários para "Júlia Says – Menos é Mais EP"

  1. Muito bom, muito bom…
    Parabéns rapeize, vocês merecem ainda muito mais do que palavras.
    Abs.

  2. Ótima resenha! nunca tinha ouvido falar da banda! e a achei no mínimo interessante!

    O instrumental da banda é perfeito! Bem influenciado pela trilha de videogames isso sim! rs
    A intro mental é top gun puro! mto bom! rs
    A cada semana eu conheço uma banda boa nova por aqui!
    parabens!
    abç

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *