Keira Knightley abre os olhos para a violência doméstica

Como você bem deve saber, o Move That Jukebox! não é um blog sobre cinema, muito menos um lugar para se debater sobre os problemas sociais de todo o planeta. Apesar disso, um vídeo recente britânico que aborda os dois assuntos me chamou a atenção.

A atriz Keira Knightley, que você já deve ter assistido em ‘Desejo & Reparação’, ‘Orgulho & Preconceito’ ou no mais óbvio ‘Piratas do Caribe’, recebeu o convite de Joe Wright (que a dirigiu nestes dois primeiros filmes) para estrelar uma campanha que tem como objetivo incentivar a população britânica a identificar e denunciar casos de violência contra a mulher.

No vídeo, Wright mistura elementos do backstage cinematográfico e do reincidente caso de violência doméstica, patrocinado pela ONG Women’s Aid. No Reino Unido, duas mulheres morrem por semana vítimas de seus maridos e namorados.

[youtube=http://www.youtube.com/watch?v=j4RjsqPYaS0]

Em alguns países, principalmente nos desenvolvidos (Estados Unidos, Canadá e Austrália estão na lista), cerca de 60% das mulheres mortas foram assassinadas por amantes. Mesmo assim, diversos países – destacando-se o Brasil – ainda concentram uma verba desprezível em delegacias especializadas ou em pesquisas mais específicas sobre tais casos.

No nosso país, apenas 2% dos agressores são punidos pela Lei Maria da Penha, segundo o Ibope. As pesquisas ainda dizem que 50% das mulheres procuram ajuda das autoridades quando violentadas, enquanto cerca de 30% dos entrevistados disse desconhecer a lei.

Alex Correa

  • Não gosto da atriz, mas acho muito válida a mensagem da produção muito bem executada por sinal. Vamos ver se vai surtir algum efeito no mundo, já que as imagens são fortíssimas.