Nada é perfeito, muito menos o NME Awards 2010

Na noite dessa quarta-feira, dia 24, a Brixton Academy londrina foi a casa de mais uma edição do Shockwaves NME Awards, promovido anualmente pelo mais importante semanário britânico: O New Music Express – ou, como a maioria de nós conhecemos, NME. Como costuma acontecer todo o ano, a revista deu prêmios para quem não deveria dar, o que significa que deixou de premiar quem realmente merecia, mas nada que supere a tradicional porcentagem de erros que uma premiação pode cometer. As contradições, já muito íntimas das premiações da NME (que parece achar isso tudo muito engraçadinho), também não deixaram de aparecer.

The Specials, um dos homenageados da noite

É claro que não dá pra condenar tudo que aconteceu na noite passada: O Muse, por exemplo, levou o prêmio de Melhor Banda Britânica (e, mais tarde, Matt Bellamy foi nomeado o Homem Mais Sexy do Ano), Bombay Bicycle Club saiu como Melhor Nova Banda (derrubando de vez o The XX, que não ganhou nada) e o West Ryder Pauper Lunatic Asylum, do Kasabian, foi nomeado Álbum do Ano, além de ter levado o título de Melhor Capa (categoria que apareceu com indicações fracas, acho). Também é louvável o fato do Big Pink, que teve pouco destaque em 2009, sair na frente de “Crying Lightning” (Arctic Monkeys), “Rabbit Heart (Raise Up) ” (Florence and the Machine), “Sticks n’ Stones” (Jamie T) e “My Girls” (Animal Collective, minha favorita) e arrebatar a estatueta de Melhor Música com “Dominos”. O Bify Clyro também passou por situação parecida, desbancando todos os favoritos ao levar o Melhor Vídeo com “The Captain”.

As surpresas negativas começaram com o Arctic Monkeys saindo vencedor na categoria de Melhor Banda ao Vivo. A banda é boa, de fato, mas beira a apatia em suas apresentações. E meus argumentos ficam ainda mais bem sustentados quando reparamos que também concorriam Kasabian, que estarreceu o público do Planeta Terra 2007, Them Crooked Vultures, que reune três das bandas mais impactantes que já existiram, Muse – faltam palavras para descrever o que foi a passagem do grupo pelo Brasil – e, choquem, Radiohead.

Também parece ter faltado critério para a galera que decidiu que o site do Muse é melhor que páginas como YouTube, Facebook e Twitter. Passando para as categorias desnecessárias, Lady Gaga levou os títulos de Melhor e Pior Roupa – piadinha que achei idiota, na verdade. A NME poderia ter passado sem essa e outras contradições, que não fazem muito sentido. Na categoria de Pior Banda concorriam Oasis, Green Day e Paramore, todos indicados também como Melhor Banda – o Paramore, inclusive, venceu na categoria internacional. O Arctic Monkeys passou pela mesma experência, tendo o Humbug indicado como Melhor e Pior Álbum. Pelo menos, foram os Jonas Brothers que sairam vencedores (se é que pode-se chamar assim) na Pior Banda E no Pior Álbum.

Os garotos do The Drums foram lembrados como a maior novidade do ano

As apresentações, pelo menos, parecem ter compensado as gafes: Lily Allen tocou com o Big Pink, Marina and the Diamonds participou do show do Biffy Clyro e o Hole voltou. Mas, como o evento só foi transmitido pela rádio, não temos vídeos no YouTube para conferir tudo isso. Opa, parece que achei uma outra gafe.

Melhor Banda Britânica
Arctic Monkeys
Biffy Clyro
Kasabian
Muse
Oasis

Melhor Festival
Download
Glastonbury
Reading & Leeds Festivals
T In The Park
V Festival

Melhor Nova Banda

The Big Pink
Bombay Bicycle Club
Mumford & Sons
The xx
La Roux

Prêmio de Contribuição à Música:
The Specials

Melhor “Enchedor” de Pistas
Dizzee Rascal & Armand Van Helden – ‘Bonkers’
Florence And The Machine – ‘You’ve Got The Love’
La Roux – ‘In For The Kill’ (Skream remix)
Lady Gaga – ‘Poker Face’
Yeah Yeah Yeahs – ‘Zero’

Prêmio de Retribuição ao Fã
Kasabian and Noel Fielding for free ‘Vlad The Impaler’ video
Danger Mouse for leaking ‘Dark Night Of The Soul’
Lily Allen for her Twitter ticket treasure hunt
Arctic Monkeys for their Oxfam Golden Tickets
Vampire Weekend for giving away ‘Horchata’ from new album ‘Contra’

Melhor Banda ao Vivo
Arctic Monkeys
Kasabian
Muse
Radiohead
Them Crooked Vultures

Philip Hall Radar Award:
The Drums

Melhor Evento
Blur at Hyde Park
Jay-Z at Alexandra Palace
Muse at Teignmouth
Oasis at Heaton Park
The Dead Weather at Shoreditch Church

Melhor Programa de TV
The Inbetweeners
Never Mind The Buzzcocks
Peep Show
Skins
True Blood

Melhor Banda Internacional
Green Day
Kings Of Leon
Paramore
Vampire Weekend
Yeah Yeah Yeahs

Melhor Faixa
Animal Collective – ‘My Girls’
Arctic Monkeys – ‘Crying Lightning’
Florence And The Machine – ‘Rabbit Heart (Raise It Up)’
Jamie T – ‘Sticks N’ Stones’
The Big Pink – ‘Dominos’

Melhor Artista Solo
Dizzee Rascal
Florence And The Machine
Jamie T
Julian Casablancas
Lady Gaga

Melhor DVD
Kings Of Leon – Live At The O2, London, England
Flight Of The Conchords – Complete HBO Second Season
The Killers – Live From The Royal Albert Hall
The Mighty Boosh Live – Future Sailors Tour
Nirvana – Live At Reading

Melhor Vídeo
Arctic Monkeys – ‘Cornerstone’
Biffy Clyro – ‘The Captain’
Kasabian – ‘Fire’
Maccabees – ‘Can You Give It’
Oasis – ‘Falling Down’

Melhor Álbum
Arctic Monkeys – ‘Humbug’
Kasabian – ‘West Ryder Pauper Lunatic Asylum’
Muse – ‘The Resistance’
The Cribs – ‘Ignore The Ignorant’
The Horrors – ‘Primary Colours’

Godlike Genius Award:
Paul Weller

Melhor Filme:
(500) Days Of Summer
In The Loop
Inglorious Basterds
The Twilight Saga: New Moon
Where The Wild Things Are

Herói do Ano
Beyonce Knowles
Noel Gallagher
Rage Against The Machine
Matt Bellamy
Alex Turner

Vilão do Ano
Noel Gallagher
Liam Gallagher
Simon Cowell
Kanye West
Lady GaGa

Melhor Roupa
Lady GaGa
Liam Gallagher
Noel Fielding
Florence Welch
Karen O

Pior Roupa
Lady GaGa

Matt Bellamy
Katy Perry
Liam Gallagher
Elly Jackson, La Roux

Pior Álbum
Green Day – ’21st Century Breakdown’
Lady GaGa – ‘The Fame’
The Jonas Brothers – ‘Lines Vines Trying Times’
U2 – ‘No Line On The Horizon’
Arctic Monkeys – ‘Humbug’

Pior Banda
Green Day
Oasis
Jonas Brothers
Paramore
JLS

Melhor Site
Muse.mu
YouTube
Facebook
Twitter
Greenday.com

Melhor Capa
Muse – ‘The Resistance’
Green Day – ’21st Century Breakdown’
Kasabian – ‘West Ryder Pauper Lunatic Asylum’
The Cribs – ‘Ignore The Ignorant’
Manic Street Preachers – ‘Journal For Plague Lovers ‘

Melhor Blog de Banda
Muse (Muse.mu and Twitter.com/muse)
Radiohead (Radiohead.com/deadairspace)
Noel Gallagher (Oasisinet.com)
Los Campesinos! (Loscampesinos.com)
Paramore (Paramore.net)

  • Eduardo Azeredo

    Esse lance de melhor e pior álbum/banda é uma coisa bem humor britânico e indecifrável.

  • Marcos

    Acho que não pode culpar a premiação por ter ganho prêmio quem não merecia, pois o voto foi público

  • ACho que é por aí mesmo.

    Eduardo Azeredo: Esse lance de melhor e pior álbum/banda é uma coisa bem humor britânico e indecifrável.

  • Luiza Alves

    Definitivamente o NME NÃO É MESMO perfeito.
    Tirando Biffy clyro que foi uma grande surpresa pra mim. =O

  • Daniel Corrêa

    O Arctic Monkeys ganhar como melhor banda ao vivo tem algo com a ironia inglesa? SÓ PODE!

  • Nossa, que coisa mais ridícula, falta pra eles um consultor em mídias sociais? Até um Twitcam daria um diferencial, mesmo que meio precário, iria gerar uma publicidade legal, uma gravação no YouTube é algo básico assim.
    Melhor site ser o do Muse… pelo amor de Deus, já vi quinhentos temas de wordpress parecidos, não sai nada do comum.
    O premio de melhor banda ao vivo, bem… prefiro nem comentar, saiba apenas que concordo com você.
    Só faltava twilight ganhar melhor filme e Jonas Brothers perder no pior banda e album…

  • kátia

    O resultado é decidido pelos fãs, né. Isso é que explica coisas como Arctic Monkeys ganhando melhor banda ao vivo e Muse ganhando melhor website. Afinal de contas, são duas das maiores bandas da Inglaterra, atualmente. Os fãs não iam perder a chance de votar.

    E a premiação vai ser transmitida amanhã no Channel 4, então acho que nesse fim de semana alguns vídeos das apresentações devem aparecer pelo YouTube.

  • Pois é. É horrível ser anti-democracia, mas nesses casos acho que a opinião dos críticos deveria prevalecer. Temos o mesmo problema no Brasil, com a votação do público na premiação da MTV, né? Bandas medíocres (não estou chamando Arctic e Muse de medícores, pelamordedeus) acabam vencendo quem realmente sabe o que faz por causa de votação em massa.

    No caso do NME Awards, nem todas as categorias eram decididas pelo público, o que já melhora um pouco a situação.

    E valeu pela dica do Channel 4, Kátia! Beijo.

  • Hugo Paceli

    The Specials como Contribuição à música? Viva o Ska!

  • Victor

    quem fala que Arctic monkeys é apático ao vivo não anda vendo muito seus últimos shows.

  • Tá beleza! o resto até que vai…
    …mas o cumulo que vi ali mesmo foi o Tarantino concorrendo com a Saga (emo)Twilight.
    Pelo menos os bastardos ficaram com o prêmio!

    :B