Ouça “Part Lies, Part Heart, Part Truth, Part Garbage”, a compilação definitiva do R.E.M.

Não é difícil encontrar alguém que bata no peito e diga cheio de orgulho: “O R.E.M. mudou a minha vida”. E não estou falando exclusivamente de pessoas velhas, o som da antiga banda de Geórgia atravessou gerações e atingiu em cheio ouvidos de todas as idades possíveis (eu lembro muito bem a repercussão que o videoclipe “Losing My Religion” teve na jovem MTV Brasil). A estrutura do R.E.M. foi fortemente abalada quando, em 1997, o baterista Bill Berry saiu do grupo. Literalmente, o que se seguiu a partir daí foi uma sequência de álbuns fracos (Up, Reveal e Around the Sun) que durou até 2008, com o lançamento de Accelerate. Ali, a banda voltou à sonoridade crua e direta que marcou o início de tudo, no final da década de 1970. Infelizmente, esse período revigorante durou pouco, mas ainda rendeu um grande disco, que  saiu em março desse ano.

De imediato não se percebe, mas Collapse Into Now tem um tom de despedida, com participação de amigos de longa data (Peaches, Lenny Kaye, Joel Gibb, Eddie Vedder) e daquela que foi a principal razão dos quatro garotos de Athens se juntar para montar uma banda: Patti Smith. Assim, eles encerram um ciclo que durou pouco mais de três décadas.

Para coroar o legado e a influência de Michael Stipe, Peter Buck, Mike Mills e Bill Berry, está sendo lançada uma retrospectiva bem intimista, com algumas canções do período mais underground do grupo até os dias de glória, dentro de uma grande gravadora. Part Lies, Part Heart, Part Truth, Part Garbage: 1982-2011 ainda nos brinda com três músicas inéditas, compostas durante as gravações de Collapse Into Now. Deixo com vocês o áudio completo da coletânea, e uma certeza: “O R.E.M. mudou a minha vida”.

Disco um

“Gardening at Night” – 3:29 (Chronic Town, 1982)
“Radio Free Europe” – 4:06 (Murmur, 1983)
“Talk About the Passion” – 3:23 (Murmur)
“Sitting Still” – 3:17 (Murmur)
“So. Central Rain (I’m Sorry)” – 3:15 (Reckoning, 1984)
“(Don’t Go Back To) Rockville” (Edit) – 3:55 Reckoning)
“Driver 8” – 3:23 (Fables of the Reconstruction, 1985)
“Life and How to Live It” – 4:06 (Fables of the Reconstruction)
“Begin the Begin” – 3:28 (Lifes Rich Pageant, 1986)
“Fall on Me” – 2:50 (Lifes Rich Pageant)
“Finest Worksong” – 3:48 (Document, 1987)
“It’s the End of the World as We Know It (And I Feel Fine)” – 4:05 (Document)
“The One I Love” – 3:17 (Document)
“Stand” – 3:10 (Green, 1988)
“Pop Song 89” – 3:04 (Green)
“Get Up” – 2:39 (Green)
“Orange Crush” – 3:51 (Green)
“Losing My Religion” – 4:26 (Out of Time, 1991)
“Country Feedback” – 4:07 (Out of Time)
“Shiny Happy People” – 3:44 (Out of Time)

Disco dois

“The Sidewinder Sleeps Tonite” – 4:06 (Automatic for the People, 1992)
“Everybody Hurts” – 5:17 (Automatic for the People)
“Man on the Moon” – 5:13 (Automatic for the People)
“Nightswimming” – 4:16 (Automatic for the People)
“What’s the Frequency, Kenneth?” – 4:00 (Monster, 1994)
“New Test Leper” – 5:26 (New Adventures in Hi-Fi, 1996)
“Electrolite” – 4:05 (New Adventures in Hi-Fi)
“At My Most Beautiful” (Buck, Mills, Stipe) – 3:35 (Up, 1998)
“The Great Beyond” (Buck, Mills, Stipe) – 5:06 (Man on the Moon, 1999)
“Imitation of Life” (Buck, Mills, Stipe) – 3:57 (Reveal, 2001)
“Bad Day” – 4:05 (In Time: The Best of R.E.M. 1988–2003, 2003)
“Leaving New York” (Buck, Mills, Stipe) – 4:49 (Around the Sun, 2004)
“Living Well Is the Best Revenge” (Buck, Mills, Stipe) – 3:11 (Accelerate, 2008)
“Supernatural Superserious” (Buck, Mills, Stipe) – 3:23 (Accelerate)
“Überlin” (Buck, Mills, Stipe) – 4:15 (Collapse into Now, 2011)
“Oh My Heart” (Buck, Mills, Stipe, Scott McCaughey) – 3:21 (Collapse into Now)
“Alligator_Aviator_Autopilot_Antimatter” (Buck, Mills, Stipe) – 2:45 (Collapse into Now)
“A Month of Saturdays” (Buck, Mills, Stipe)
“We All Go Back to Where We Belong” (Buck, Mills, Stipe) – 3:36
“Hallelujah” (Buck, Mills, Stipe)

O streaming é uma cortesia do NPR.