2 ago 2009

Clipe: Gossip – Love long distance

Por  @19:15

O novo single do Gossip é a ótima e dançante “Love Long Distance”, uma das minhas preferidas do último disco da banda, Music For Men.

A música acaba de ganhar um clipe bem divertido, com aqueles teclados que são tocados como guitarras, galera com rosto de balão e muitos, mas muitos patins. Sim, iguais àqueles das mocinhas do Carrefour.

De onde diabos deve ter surgida a interessante idéia de fazer balões gigantes no lugar dos rostos das pessoas, hein? Não. Não vale falar que foi do corpitcho esbelto da Beth Ditto, ok?

1 ago 2009

Passion Pit ao vivo no MySpace Transmissions

Por  @17:14

O MySpace Transmissions é um projeto que vem dando belos resultados. A fórmula é simples e manjada – artistas tocando suas músicas ao vivo em um estúdio – mas dificilmente terá erro se a escolha das bandas for acertada. Até agora já passaram pelos estúdios do MySpace bandas como Vampire Weekend, Nada Surf, City and Colour, Cold War Kids, entre outras. E pra aumentar a lista de boas escolhas que o projeto faz, a banda Passion Pit foi chamada pra tocarem algumas músicas de seu disco de estréia, o elogiado Manners.

Passion Pit “Sleepyhead” from MySpace Transmissions

O quinteto americano dá uma boa amostra de quão competentes seus integrantes são ao vivo, executando cada mínimo detalhe e efeito que as canções têm no álbum. Destaque para o vocalista Michael Angelakos que, mesmo ao vivo, consegue manter firme sua voz de timbre peculiar.

Passion Pit “Little Secrets” from the MySpace Transmissions

Pra ver todos os 4 vídeos (as outras músicas são “Moth’s Wings” e “I’ve got your number”) mais algumas entrevistas com a banda, é só ir lá na página do MySpace Transmissions.

1 ago 2009

The Exploding Boy – Afterglow

Por  @2:03

exploding boy - afterglow

É da Suécia que vem uma das boas novidades deste ano. A banda em questão se chama The Exploding Boy e, apesar de ter sido criada apenas em 2006, os caras já têm 2 discos lançados e já acumulam um certo prestígio em seu país de origem, enquanto tentam, também, levar suas músicas ao alcance de mais pessoas, principalmente no continente europeu, onde já fizeram algumas turnês na França e na Alemanha.

O segundo disco da banda, Afterglow, lançado este ano, chegou ao meu alcance há poucos dias e, logo de cara, já me maravilhei com a sonoridade impactante que ele oferece, emulando o que há de melhor entre o post-punk e o indie rock, contando ainda com indispensáveis momentos onde a influência da new wave é evidente.

O primeiro single de Afterglow e a incrível “40 days” e sua desconcertante semelhança com Joy Division. A música começa e você tem a sensação de que Ian Curtis resolver escolher a Suécia como país sede pra uma possível reencarnação. (In)Felizmente, as semelhanças gritantes com a voz de Curtis se resumem a “40 days”, se tornando apenas uma “boa influência” no restante das músicas. Já o segundo single, “London”, consegue tirar proveito justamente desta capacidade que Johan Sjöblom, fundador e vocalista da banda, tem de variar sua voz sutilmente durante algumas músicas de Afterglow.

Durante as 11 faixas do álbum – onde todas se destacam, o que faz do disco, aliás, um lançamento e tanto de 2009 – ainda é possível atentar para certas influências do The Cure, New Order e também do já citado Joy Division. Além, é claro, de bandas mais novas cujas sonoridades carregam algumas semelhanças com o pós-punk inglês da década de 80, como Interpol,  Editors e She Wants Revenge.

Nota: 3.8/5.0

31 jul 2009

Montanha Russa combina com música?

Por  @17:42

Pelo menos os organizadores do Festiva Planeta Terra acham que sim. O porquê desse assunto? Essa tarde o site do Terra confirmou que em 2009 teremos o nosso querido festival, e ele acontecerá no Playcenter!

Para quem não é de São Paulo e não conhece o parque,  ele fica localizado na Marginal Tietê, perto do Anhembi, que já abrigou Tim Festival e Skol Beats, entre muitos outros shows. O Playcenter já foi o principal parque de SP, mas hoje em dia é mal visto por conta do público que o frequenta, além de ser minimizado pela concorrência desleal do Hopi Hari.

Mas parece que o Terra vai fazer um bom trabalho em cima do parque, como tem feito na Villa dos Galpões nos últimos anos. E para quem não vai para curtir todos os shows do festival, uma boa notícia: todos os brinquedos do parque estarão funcionando no dia. Parece que vem coisa boa por aí, agora é só aguardar (ansiosamente) os nomes que estarão no line-up.

30 jul 2009

Vocês já ouviram Blubell?

Por  @23:10

Apesar do nome, Blubell é uma cantora brasileira com uma das vozes mais doces que já ouvi. Ontem (29/07), fui ao Studio SP ver o trabalho da moça mais de perto. O show teve um clima meio jazz, meio anos 20, com direito a mini-cocar na cabeça dela, e chapéu-coco na cabeça dos rapazes da banda. A cantora, que também é conhecida como Bel Garcia, tem um charme impressionante: um misto de timidez sexy, com piadinhas inocentes, e uma presença de palco tão natural, que parece meio involuntária. É impossível não ficar encantado.

Foto tirada com meu celular de 1 mega pixel.

Foto tirada com meu celular de 1 mega pixel.

Bluebell tem apenas um álbum lançado, o “Slow Motion Ballet”, de 2005,  que foi sucesso de crítica. Todo um tom íntimo e pessoal, com músicas que vão do rock ao folk melancólico, passando pelo jazz e o eletrônico (!). As letras são cantadas em português, inglês e francês, simples e sinceras, de autoria da própria Bel (das 14 músicas, apenas uma não é dela) e tratam basicamente de experiências cotidianas e amor. Sabe quando a música parece feita pra você e seu coraçãozinho sofrido? É exatamente assim que você se sente.

Durante o show, ela cantou uma música chamada “Sha la la” (ou seria “Shalala”?), que ainda não está na internet, mas que será o tema de abertura da nova série da Globo, “Aline”. Então, pra quem tiver o velho problema da Síndrome do Underground, eu não recomendo. Aos demais, recomendo mui-to.

Ontem, Blubell nos prometeu outro CD em breve. Aguardamos ansiosamente.

Aqui a música “La Vie En Chose”, e em seguida em “By the Time”, ambos vídeos feitos para o Música de Bolso:

Aqui o MySpace (fikdik: o MySpace não representa metade do que é o show ao vivo) e o blog onde ela escreve.

30 jul 2009

Confirmadas as datas do The Killers no Brasil

Por  @21:33

E hoje, finalmente, via Rolling Stone, veio a confirmação das datas dos shows que o The Killers fará no Brasil.

the killers

O quarteto de Las Vegas, que também passará por outros países da América Latina, tocará em São Paulo na Arena Skol Anhembi no dia 21 de novembro. Brandon Flowers e companhia se apresentam também na HSBC Arena, no Rio de Janeiro, três dias depois.

A primeira e única performance do The Killers no país aconteceu no Tim Festival de 2007, que ainda contou com vários nomes de pesos, entre eles, Arctic Monkeys e Juliette & The Licks (até hoje não me conformo de ter perdido). Na época a banda tinha seu repertório baseado em seu segundo disco, Sam’s Town. Já a atual turnê se molda em torno do lançamento mais recente da banda, o “divisor-de-opiniões” Day & Age.

Maiores detalhes sobre as apresentações, como preços dos ingressos e datas de quando começarão a ser vendidos, ainda não foram divulgados. Ficamos no aguardo.

30 jul 2009

Panic at the Disco recruta novos membros

Por  @16:12

patd

Como todos leram aqui, o Panic at the Disco perdeu seu guitarrista e seu baixista há pouco menos de um mês. Acontece que a banda já encontrou substitutos para os músicos que deixaram o baterista Spencer Smith e o vocalista Brendon na mão.

Ian Crawford (The Cab) e Dallon Weekes (The Brobecks) irão assumir as posições de guitarrista e baixista do Panic at the Disco, respectivamente. A banda, atualmente, trabalha no sucessor de Pretty. Odd, enquanto os ex-integrantes Ryan Ross e Jon Walker tentam emplacar sua nova banda, The Young Veins, que, aliás, já tem até Myspace e uma música disponibilizada.