Phoenix testa diferentes sonoridades para novo álbum

Os franceses do Phoenix estão na Austrália trabalhando em ideias para o sucessor de Wolfgang Amadeus Phoenix, de 2009. Entrevistados pelos australianos da Pedestrian TV, Thomas Mars e Deck D’Arcy disseram que estão testando algumas sonoridades novas e que, caso elas funcionem, devem entrar no novo álbum.

Entre os elementos novos, ele comentam sobre uma orquestra e um grande trabalho com percussões. Mars ainda fez uma comentário no mínimo estranho, em que afirma que as novas canções estão sendo inspiradas pelo TGV, Train à Grande Vitesse, que é um trem de alta velocidade francês – algo, ao mesmo tempo, nostálgico e futurista. Ele ainda adicionou que o trabalho é bem experimental e que as novas músicas estão tendendo ao minimalismo, além de caracterizar as experiências com baterias eletrônicas nos álbuns anteriores como frustrantes.

O Twenty Four Bit achou um vídeo do tal trem no YouTube, e pela barulheira do negócio, até dá para imaginar uma percussão inspirada nisso. Agora é confiar no talento dos franceses e aguardar pelo novo álbum.

  • Gostei muito de “Wolfgang Amadeus Phoenix”. E “1901” foi uma das músicas que mais ouvi. Estou aguardando anciosamente esse novo álbum que, ao que tudo indica vai ser um bom disco. =)