Toe - Hear You

Toe
Hear You

Topshelf Records

Lançamento: 24/07/15

Post-rock e math-rock instrumental são geralmente associados a sons densos, pesados e tortuosos. Mas o quarteto japonês Toe se encaixa relativamente bem nesses dois rótulos e, ainda assim, faz um som bem tranquilinho e acessível; em Hear You, mais ainda que em seus trabalhos anteriores. Suas músicas em geral são compostas por linhas entrelaçadas de guitarra e baixo, com as batidas sempre geniais de Kashikura Takashi, e tem a beleza envolvente de um caleidoscópio ou dos fios interligados de um apanhador de sonhos.

O álbum passa por diversos momentos suaves e belos, como a introdução “Premonition (Beggining of a Desert of Human)”, “The World According To” e a envolvente “Boyo”, um dos destaques do disco. As batidas firmes dão sempre uma força às canções que impedem que elas caiam na melancolia tradicional do post-rock. “Silly Song”, por exemplo, começa com um piano tristonho, mas evolui para uma tristeza autoirônica interessante, e acaba com um belo (e inusitado) coro gospel doo-woop.

A brevidade das faixas (que duram no máximo 5 minutos) e a variedade de sons do disco ajudam a torná-lo uma audição constantemente estimulante. “My Little Wish”, outro destaque, tem uma pegada mais roqueira, com Takashi em seu momento mais inventivo do álbum, “Time Goes” e “Commit Ballad” incluem estilos vocais diferentes e “G.O.O.D.L.U.C.K.” parece algo que o David Byrne poderia ter feito. A estranheza do Toe pode chocar no começo, mas o mais provável é que o disco acabe antes que você se satisfaça dela.

Ouça se você: 

-Quer algo que sirva tanto como ruído de fundo quanto para uma audição mais densa
-Gosta do post-rock estilo Tortoise
-Quer ouvir um baterista genial

Não ouça se você: 

-Não curte música instrumental
-Prefere canções com estruturas mais bem definidas
-Não está disposto a ouvir vocais em japonês

Leia também