Savoir Adore faz show curto e animado no Cine Joia

No destaque, Paul e Lauren durante apresentação no Cine Joia. Foto: Marcos Bacon/Divulgação

Se tem uma banda com gente “gente boa”, essa banda é a Savoir Adore. O grupo que tem laços com o Brasil, já que o vocalista Paul Hammer é casado com uma brasileira, parece ter abraçado os fãs tupiniquis. Ao final dos poucos mais de 50 minutos, Paul e Lauren Zetller foram para a lojinha montada ao lado dos caixas para dar autógrafos e tirar fotos com todo mundo que tivesse afim. Só tinha visto esse gesto acontecer no belo show do Magic Numbers, coincidentemente também no Cine Joia ano passado.

O grupo veio ao Brasil para mostrar o novo álbum The Love Remains (2016) em primeira mão para um Cine Joia vazio, mas empolgado. Quem tava ali era realmente fã, cantava todas as músicas e pedia mais. Por isso, a carinha desolada de alguns foi muito difícil de esconder após o rápido fim. Foram apenas onze músicas! Encontrei um casal que esperava vê-los há três anos, mas que chegou lá exatamente no final do show e não conseguiu ver absolutamente nenhuma música, já que 23h12 já não tinha mais ninguém no palco só os roadies. Foi uma pena ter pedido (também cheguei atrasada e perdi parte da apresentação), já que qualquer atraso fazia diferença. Pelo menos, ganharam uma foto.

Paul gritou no palco algumas vezes que logo estava de volta, foi muito simpático também com a banda de abertura, a Lumen Craft: “You’re amazing!”, disse se derretendo e agredecendo a todos que foram ao local ver a banda. Uma coisa que chamou muita atenção foi o figurino, todos vestiam camisas floridas e Lauren que estava toda preto, escolheu um casaco apenas com detalhes em flor. O grupo também optou por projeções que casaram com as músicas (isso ficou muito bonito mesmo no Cine Joia em seu formato) e foi em “Giants”, uma das melhores músicas do novo álbum, que o nome da banda foi projetado e gerou a foto que ilustra nosso Instagram.