Show histórico dos Stone Roses vai virar filme

Atenção, fãs da Madchester! O Stone Roses, banda mais importante do movimento, irá ganhar um filme que atualmente está em fase de escalação de elenco. O filme não será uma biografia. Em vez disso, contará a história de cinco amigos que têm uma banda indie e que tentam ir ao histórico show feito pelos Roses na Spike Island, em 1990. História parecida com a do filme do Kiss, Detroit Rock City.


A notícia da realização do filme saiu em janeiro. Hoje, a atriz Kaya Scodelario (inglesa, filha de mãe brasileira), que estrelou duas temporadas do seriado Skins, publicou em seu Twitter um link para um blog onde é feita a convocação de candidatos para os testes de cena.

O filme se chamará Spike Island e será dirigido por Tom Green (não o ex-marido de Drew Barrymore, mas sim o diretor inglês da série Misfits), em seu primeiro trabalho para a telona, com roteiro de Chris Coghill (ator que interpretou ninguém menos que Bez, o dançarino dos Happy Mondays no excelente filme 24 Hour Party People, sobre tema relacionado). Segundo notícias sobre o filme, a banda já topou ceder as músicas e concordou em fazer uma participação especial.

Se as notícias se confirmarem e a execução for boa, este pode ser o maior filme musical da década. Os Stone Roses foram uma das bandas mais marcantes da Madchester (cena musical inglesa do final dos anos 80 e começo dos 90) e influenciaram grupos como Oasis, Charlatans e Primal Scream. A banda foi perdendo seus integrantes e terminou em 1996. Rumores de uma possível reunião são aventados todo ano, embora o guitarrista John Squire, além de ser brigado com o vocalista Ian Brown, tenha se aposentado da música e negue terminantemente qualquer possibilidade de uma volta. Uma reunião nas telas seria, de fato, a primeira reunião do grupo inteiro desde a separação.

Os testes para os papéis principais começam neste sábado. Bora dar um pulinho em Manchester e tentar um lugar no filme mais legal do ano que vem?

  • Eternamente apaixonada por”Fools Gold”!
    Coincidentemente, hoje eu estava escutando a coletânea pela enésima vez!!
    A unica ressalva é que não gosto de nenhum video deles – todos toscos!!!…