Superpose – Aurora EP

superpose

Desde a época em que o CSS ainda assinava como Cansei de Ser Sexy, fazer electropop, electrorock, synthpop, indietronica e todos esses sons que, certa vez, o Klaxons resumiu como “new rave”, tem se tornado um grande negócio em solos brasileiros. Exemplos disso são Boss In Drama, The Twelves, NRK, o mais recente Copacabana Club – que foi parar no blog do Kanye West – e, claro, o próprio CSS.

Nesse cenário movimentadíssimo, eis que surge mais um coadjuvante, com grande potencial para se tornar protagonista em breve: O Superpose. Formado na bela Florianópolis, o projeto não está isento das boas  harmonias criadas  por Isaac Varzim (músico desde 2001, formação erudita e Motomix em seu histórico) em seu computador e da feminilidade de Paula Felitto (bailarina contemporânea), fundadores e únicos membros do grupo. A união desses dois elementos, adicionada a um tempero eletrônico bem apimentado, acabou sendo reproduzida no recente Aurora, EP lançado no início de Abril.

Na primeira faixa, ‘The Queen of the Night’, a primeira referência que se encontra é ao Copacabana Club, que lançou a suposta versão masculina da música no ano passado. Mas, pelo visto, a similaridade entre florianopolitanos e curitibanos pára (deixem o acento em paz) mesmo por aí. O Superpose prefere recuar no experimentalismo, enquanto os Copas se jogam no pop.

Entre as cinco músicas lançadas do extended play, uma das que funcionam melhor é ‘Sometimes’, com a voz pouco extravagante de Paula, que se encaixa magnificamente na melodia. O refrão te agarra com letras simples, quase de livre interpretação e, mesmo sem falar de aventuras amorosas, soa levemente romântica, perdendo-se em algum lugar entre o easy-listening e o maximal.

Outro destaque do EP é a quase frenética ‘Blue Beatle Is The New Black’, que – desculpem-me pelo clichê – evolui a cada vez que você escuta. O cartão de visitas é apresentado em inglês e com voz masculina, te guiando para a próxima e última canção do mini-álbum, a instrumental ‘Aurora’. Finalizar o disco com ela foi, na minha opinião, um vacilo notável, mas é só ativar a reprodução em loop para esquecer da gafe.

Também vale ouvir o remix que a dupla fez de ‘Just do It’, do meu querido Copacabana Club. Assim como as cinco faixas de ‘Aurora’, o remake está disponível no MySpace do Superpose. Have fun.

Alex Correa