Supersuckers não consegue vistos e cancela turnê na América do Sul

De acordo com nota enviada à imprensa pelo Clash Club, clube paulistano que receberia um dos shows do Supersuckers no Brasil, todas as apresentações que a banda faria na América do Sul foram canceladas. O grupo, formado no Estado do Arizona no final da década de 80, faria quatro shows no continente, todos no final de novembro.

A turnê teve de ser cancelada por atrasos com os vistos de alguns dos integrantes da banda – “você ficaria surpreso ao saber a quantidade de obstáculos que você tem que superar pra conseguir um visto para o Brasil”, relatou Eddie Spaghetti, baixista e vocalista, no MySpace.

supersuckers

Eddie descreveu a sensação do cancelamento dos próximos shows (dia 21 em Buenos Aires, 27 no Goiânia Noise e 28 no Clash Club) como “um mix de tristeza e alegria”, pois aproveita o buraco na agenda para passar o dia de Ação de Graças com a família. Ainda assim, as produtoras CB e Ataque Frontal, que assinam o comunicado, explicam que os integrantes do grupo “poderiam entrar no vôo para Buenos Aires, cidade do primeiro show, e aplicar os vistos brasileiros na capital portenha”, considerando irresponsável e precipitada a decisão do grupo de voltar para seus Estados de origem sem fazer novas tentativas.

No momento, está aberta a negociação de novos shows do Supersuckers no Brasil para 2010. Quem já havia comprado entradas para a apresentação no Clash poderá ter seu dinheiro devolvido apresentando as mesmas no ponto de venda em que foram retiradas. O Festival Goiânia Noise, que acontece entre os dias 25 e 29 desse mês, perde seu principal headliner, mas não deixa de ficar interessante. Vale conferir.