Top 3 momentos do MECAPresent SP (31/01/14)

meca sp

Foto por Martini – I Hate Flash

O MECAPresent SP rolou na última sexta-feira, 31 de janeiro, no Grand Metrópole. O super show foi uma versão resumo do MECA Festival, que aconteceu no fim de semana anterior próximo ao litoral gaúcho, com as atrações Call Me Lolla, Savoir Adore, Charli XCX, Klangkarussell e Friendly Fires, além de DJs convidados. O Move esteve lá e mostra pra você o TOP 3 de momentos mais bacanas da noite:

(Foto por Martini - I Hate Flash)

Foto por Martini – I Hate Flash

3º lugar
Savoir Adore virando o jogo

Problemas técnicos marcaram o início da apresentação do duo (acompanhados dos seus três companheiros de banda). Mas os nova-iorquinos não se deixaram desanimar e também não permitiram que isso acontecesse com a plateia. Emplacando seu gracioso e charmoso setlist recheado de canções indie-pop, eles surpreenderam e agradaram a plateia que ia chegando aos poucos e tomando seus espaços na pista.

(Foto por Martini - I Hate Flash)

Foto por Martini – I Hate Flash

2º lugar
Friendly Fires fervendo a pista

Falar de problemas técnicos de novo talvez seja equivocado. A verdade é que pouco se ouvia da fantástica voz de Ed Mac. Em compensação, todo o resto estava muito bem equalizado e colocou facilmente o público pra esquentar a pista, assim como o palco, que parecia pegar fogo. As percussões sempre ótimas, somadas aos riffs de guitarra, baixo dançante e metais, fizeram Ed perder o fôlego de tanto dançar e se contorcer – talvez esteja explicada a voz que pouco se ouvia. Mas não faltou foi energia nem pra banda enfileirar hit atrás de hit e nem pro público para cantar junto.

(Foto por Martini - I Hate Flash)

(Foto por Martini – I Hate Flash

1º lugar
Simplesmente Charli XCX

A menina Charlotte está pronta! Não foi necessário pirotecnia, troca de figurinos ou qualquer momento farofa para se fazer um show pop, eficiente e marcante. Segurando a onda com sua banda de três garotas, Charli XCX mostrou uma presença de palco absurda e um carisma de estrela. A plateia ensandecida se entregou e até invadiu o palco. Cercada de uma dezena de pessoas, a inglesa de 21 anos quase se assustou, mas logo a situação virou risos e proporcionou a engraçada cena de uma funcionária da casa passando o rodo para secar o palco, enquanto a garota cantava e ria. Aquele era o show mais divertido que ela já tinha feito, palavras da própria, e com certeza foi o mais divertido e empolgante da noite. Com o repertório baseado em seu ótimo disco de estreia, True Romance, a garota mostrou que tem material para fazer dançar e ainda encaixou seus dois tradicionais covers para mexer com quem estava ali (ou não) para vê-la: “I Want Candy” divertiu e “I Love It” incendiou a casa, que já estava mais cheia (e ficaria ainda mais no próximo show). Com seu cabelo propositalmente desleixado, suas danças e atitudes de presença e uma voz intacta, Charli XCX fez o melhor e foi o ponto alto da ótima noite do MECAPresent SP.