Três videoclipes nacionais: Blubell, Cinnamon Tapes e Ekena

Blubell. Foto: Laís Aranha/Divulgação

Tem como não amar essas iniciativas totalmente girl power? Não, né? Por isso, essa sequência de hoje começa com a Blubell, que fez um clipe com produção totalmente feminina. “Liberdade X Segurança” está no último disco da cantora, Confissões de Camarim e ganhou videoclipe com direção Laís Aranha, Gabriela Jovine e da própria cantora, que divide o protagonismo com Maria Alcina, Roberta Estrela D’alva, Lia Bock, Sandra Miyazawa, Sudária Emília Bertolino, Rhaissa Bittar, Marcelle Barreto, Patrícia Ribeiro, Carol Tavares, Clarice Reichstul e Amanda Souza.

“São todas mulheres que eu conheço e admiro. Algumas são muito amigas, outras haviam apenas dividido um camarim comigo aqui e a ali antes de filmarmos. Se eu fosse debochar, diria que esse clipe foi uma desculpa para me aproximar das que eu não conhecia direito e encontrar as de quem estava saudosa. Foi tudo uma grande celebração em clima de muita cumplicidade, até porque tocamos no tema de igualdade de gênero”, conta Blubell em nota enviada pela assessoria de imprensa.

Cinnamon Tapes é o nome artístico da cantora, compositora, atriz e instrumentista brasileira Susan Souza, que lança Nabia, disco de estreia em parceria com o norte-americano Steve Shelley como baterista e produtor, com lançamento pelo selo Balaclava Records. E para botar o bloco na rua, a artista escolheu a música “Sol” e fez o vídeo bem simples, que como ela contou no Music Video Festival, onde apresentou o clipe em primeira mão para os visitantes do Mi, foi só ela e uma amiga com a câmera na mão.
A amiga é a fotógrafa Valérie Mesquita e o registro foi feito na praia de Itamambuca, no litoral norte de São Paulo. Nanbia é a personagem criada por Susan para narrar o disco e é ela quem estrela o clipe, uma sereia que está saindo do mar e indo para a terra firme. Se liga nessa MPB muderna.

Ekena está prestes a lançar seu primeiro disco,, mas antes está dando mais um gostinho do que vem por aí. O clipe de “Bem Te Vi”, diga-se de passagem é um clipe lindíssimo. Se antes ela veio super forte com “Todxs Putxs”, a artista aparece agora bem mais leve falando de amor.

O clipe tem direção de Fernando Mira, Fernando Lucas Mira, Tiago Kuurtz, maquiagem e performance da drag Almanegrot (que também trabalhou com o Johnny Hooker recentemente) e das bailarinas Georgia Palomino e Suzane Rossan.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *