Viagem ao passado dos music players, em comemoração aos 30 anos do Walkman

Depois do Super Nintendo e daquele videogame portátil de Tetris  antiguíssimo (qual o nome mesmo?), o Walkman foi o aparelho mais tecnológico que tive na minha infância. A idéia de ouvir rádio e fitas (que tinham dois lados, lembram?) no caminho da escola era demais. Hoje a marca perdeu um pedaço do seu conceito original e virou linha de celulares que tocam MP3, mais isso não impede que a sensação de nostalgia tome conta do post.

Como uma forma de homenagem ao aniversário de 30 anos do meu querido Walkman, vou contar uma história bonita: A evolução dos aparelhos portáteis de música nos últimos trinta anos – o que significa que o conto começa muito antes do meu nascimento. Nada que o Google não resolva.

walkman

Á esquerda, o primeiro modelo do Walkman lançado pela Sony, em 1979. A maior dificuldade era achar exatamente onde começava a faixa que você queria ouvir. Ao lado, um dos modelos mais recentes da marca.

discman

Em 1984, a Sony lançou o Discman D-50, considerado portátil para os padrões da época e uma revolução na área de “music skip”. Em 2005, a empresa lançou um dos últimos modelos de Discman (a.k.a. CD Walkman), que ainda é procurado por algumas pessoas. No Mercado Livre, é possível comprar aparelhos semelhantes por R$10.

mid

Em 1992, ano do meu nascimento, a Sony lançava um novo aparelho de música portátil: o MZ1 MiniDisc Player. Depois da virada do século, a Coca-Cola chegou a promover a mídia em um par de promoções, mas o disco compacto nunca vingou. Há anos não se produz um modelo novo para executar o compacto.

mp3

Em 1979 já existia um exemplar de MP3 Player, mas o aparelho só era capaz de reproduzir três minutos e meio de música, então não foi comercializado. Só em 1998 um produto semelhante chegou às lojas, o MpMan, com 32MB de memória (!). Atualmente, os produtores se queixam das baixas vendas dos aparelhos de MP3 simples. Agora, são os celulares MP10 (câmera, wi-fi, música, vídeo, TV analógica e digital, jogos, rádio fm, bluetooth e, claro, ligações) que dominam o mercado brasileiro.

ipod

O primeiro modelo de iPod surgiu em 2004: A edição extremamente robusta era chamada de Ipod Mini. Com os updates que vieram em seguida, ficou provado que os players portáteis da Apple eram os melhores. Hoje, existem iPods para todo mundo, até para os que tem pouco dinheiro no bolso: Nos Estados Unidos, pode-se comprar um iPod Shuffle falante por $79.

What comes next?