O primeiro single do The Clash

No dia 18 de março de 1977, o The Clash lançou “White Riot”, seu primeiro single oficial. O tema da faixa principal fazia referência aos protestos ocorridos no dia 30 de agosto de 1976 nas ruas de Notting Hill. Tudo teria começado durante a celebração do carnaval caribenho, quando a polícia entrou em cena para executar uma prisão e acabou sendo hostilizada pelos carnavalescos. Apesar da presença de pessoas brancas no tumulto (Joe Strummer, Paul Simonon e Bernie Rhodes, empresário da banda, estavam presentes), a tensão entre jovens negros caribenhos e policiais [brancos] foram intensificadas pela questão racial, que resultou em mais de cem policiais e sessenta manifestantes feridos.

“The only thing we’re saying about the Blacks is that they’ve got their problems and they’re prepared to deal with them. But white men, they just ain’t prepared to deal with them – everything’s too cozy. They’ve got stereos, drugs, hi-fis, cars. The poor blacks and the poor whites are in the same boat.”

Joe Strummer, em entrevista à NME.

Fotografia clicada na revolta de Notting Hill que serviu de contracapa para o primeiro single do The Clash

Diz a lenda que, durante um show do Clash em 1979, Joe Strummer, determinado a executar “White Riot” no bis, se desentendeu com Mick Jones, que teria se recusado a tocar a música. O resultado foi um soco na cara de Jones, que voltou para o palco com curativos no nariz e em um dos olhos. Punk rock.

White Riot by Clash on Grooveshark

Em novembro de 2002, Mick Jones e Joe Strummer voltaram a interpretar “White Riot” juntos, durante um dos últimos shows de Strummer e seus Mescaleros. O músico morreria de ataque cardíaco um mês depois, pondo fim a todos os boatos envolvendo um possível retorno do The Clash, exatamente com a canção que deu início a tudo. Uma pena.

Fonte: Degenerando Neurônios

  • Garibaldi Pinto

    Som muito bom!