Ben Folds improvisa no Chatroulette durante show

Confesso: logo quando ouvi falar no Chatroulette, via Ana, me viciei. Cheguei a passar quatro ou cinco dias seguidos brincando no site, de tão divertido que é. Pra quem não conhece, a dinâmica é a seguinte: Você conecta sua webcam, clica em “play” e começa a brincar. A plataforma te conecta randomicamente com pessoas de todo o mundo – homens, mulheres, bonecos de pano e pervertidos, muitos pervertidos. Daí você escolhe entre conversar com o ser do outro lado ou simplesmente clicar no botão de “next” e passar para o próximo internauta. É isso, basicamente.

Quem também parece ter gostado do Chatroulette é Ben Folds, compositor norte-americano que tem umas músicas bem certeiras (tipo “Hiroshima”, que estou ouvindo agora). O músico chegou a ser confundido com um rapaz chamado Merton, que gravou um vídeo com suas improvisações ao piano no site, jogou no YouTube e virou webhit. “Não seja por isso”, pensou Folds – pouco mais de uma semana depois do estouro de Merton, Ben revelou-se um puta compositor e fez suas próprias improvisações ao vivo, durante um show com duas mil pessoas na Carolina do Norte. Pena que o vídeo só dura cinco minutos:

[via]